terça-feira, 16 de janeiro de 2018

Um baú para o troféu


Quando ganhou o troféu rotativo de Campeão Brasileiro de Optimist 2017, em Vitória (ES), surgiu o problema como leva-lo para São Paulo, pois não existia uma caixa apropriada para seu transporte. o Troféu pesa por volta de 13 Kg. Por sorte estávamos de carro e conseguimos uma caixa de papelão grande e muito plástico bolha.

Mas agora teríamos que leva-lo de avião para Salvador. Há um tempo pensava em fazer um baú de madeira para transporte do troféu. Estava na hora de arregaçar as mangas. Junto com Nicolas começamos o trabalho. Primeiro a compra da madeira, placa de ripas de teka, e o EVA para proteção interna. Depois as ferragens. A ideia inicial era fazer o baú com abertura com dobradiça.

Aproveitando as horas vagas de alguns dias a noite finalizamos o projeto. Tivemos que alterar a forma de abertura, de tampa com dobradiça para tampa com retirada completa.

Ficou um brinco! O transporte com segurança estava garantido! O conjunto total ficou com 25 Kg (incluindo o papelão externo para proteger a caixa).

Foi um pequeno excesso de peso no momento do embarque. Mas quando mencionamos que era o troféu de Campeão Brasileiro, a atendente da Gol nem cobrou.